Browse top selling WordPress Themes & Templates on ThemeForest. This list updates every week with the top selling and best WordPress Themes www.bigtheme.net/wordpress/themeforest

Como lidar com as sensações da Claustrofobia?

Antes de começarmos uma pergunta. Você tem ou sabe o que é Claustrofobia?
A claustrofobia é uma fobia situacional que envolve o medo de espaços fechados ou confinados. Uma pessoa com claustrofobia sofre de ataques de pânico ou receio constante de ter um ataque à qualquer momento.

A claustrofobia é uma das fobias mais comuns e, como qualquer outra, sua gravidade pode variar muito de pessoa para pessoa. É possível sentir sintomas em salas pequenas, espaços fechados, multidões e muitas outras situações em diferentes níveis.

Sintomas da claustrofobia
Se uma pessoa que sofre de claustrofobia de repente se encontra em um espaço fechado, ela pode ter um ataque de ansiedade ou de pânico. Nesses casos, os sintomas podem incluir:

  • Suor;
  • Frequência cardíaca acelerada;
  • Hiperventilação ou “respiração excessiva”;
  • Falta de ar;
  • Sensação de asfixia;
  • Dor no peito;
  • Dormência;
  • Boca seca;
  • Confusão ou desorientação;
  • Tremores;
  • Tontura;
  • Náusea;
  • Desmaio;
  • Medo de dano real ou morte.

Como amenizar esses sintomas durante um ataque de pânico?
Muitas pessoas com claustrofobia evitam os espaços que provocam o distúrbio. Isso não funciona bem como uma solução a longo prazo, porque é possível eventualmente encontrar-se em uma situação assustadora inevitável. Há maneiras, no entanto, de lidar com um ataque de pânico devido à claustrofobia, como:

  • Respirar devagar e profundamente, contando até três a cada respiração;
  • Concentrar-se em algo seguro, como o tempo passando no seu relógio;
  • Lembrar-se repetidamente de que seu medo e ansiedade passarão;
  • Desafiar o que está desencadeando seu ataque, repetindo que o medo é irracional;
  • Visualizar e focar em um lugar ou momento que lhe dê calma.

Como tratar a claustrofobia?

Os terapeutas podem ajudar as pessoas que têm claustrofobia a desenvolver habilidades de enfrentamento para controlar o medo e a ansiedade. Isso envolve a compreensão e o ajuste de pensamentos e crenças que ajudam a criar a ansiedade. Além disso, o aprendizado e a prática de habilidades sociais comportamentais específicas para aumentar a confiança. Em seguida, lenta e gradualmente praticar essas habilidades em situações reais.

Em caso de dúvidas podemos conversar e ver o que seria mais indicado para você. Deixe seu comentário ou se preferir mande uma mensagem em nosso email.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *